Ciclo de debates discute interfaces entre Dança e Esporte

cartaz_a2_cultura_em_campo (1)

Parte da programação especial do projeto Cultura em Campo – Esporte & Arte na cidade, o Espaço Xisto Bahia promove, nos dias 17, 18 e 19 de junho, o ciclo de debates Dança e Esporte – Interfaces possíveis, o qual tem por objetivo a reflexão sobre tais áreas e as interseções de seus universos. ” Dança e Esporte são áreas compostas por atividades que têm o corpo do indivíduo como instrumento principal de execução, de forma que as aproximações e semelhanças entre ambas são facilmente notadas”, afirma Isabela Silveira, coordenadora do espaço e idealizadora da proposta. Os debates acontecerão na Sala Principal do Espaço Xisto Bahia – Barris, subsolo da Biblioteca Central -, abertos ao público, com entrada é gratuita.

o ciclo é composto por três mesas de discussão, além da mesa de abertura, intituladas “O corpo como aprendizagem – o ensino de dança e esporte no ambiente escolar”; “O corpo como máquina – quando artistas e atletas se confundem” e ” O corpo como expressão da cidadania – zonas de ocupação do espaço urbano”. Dentre os palestrantes, já estão confirmadas as presenças de Dulce Aquino, pesquisadora referência na área e professora no Programa de Pós-Graduação em Dança da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Fabiana Brito, pesquisadora, crítica de dança e também professora na UFBA, do medalhista paralímpico, Marcelo Collet, e do jornalista e fotógrafo, Nelson Oliveira.

 

Programação especial durante todo o mês de junho

Por ocasião da Copa das Confederações, o mês de junho no Espaço Xisto Bahia traz uma programação especial, com oficina de iniciação ao Parkour, concurso fotográfico em ambiente online para a juventude, contação de histórias, sessão de filmes e brincadeiras para as crianças, além de espetáculos teatrais e shows musicais.  ” A proposta do Cultura em Campo – Esporte & Arte na cidade está pautada na relação entre a Arte, Esportes e Cidade, prevendo ações ligadas à Dança, ao Teatro, às Artes Visuais e à Formação Cidadã de crianças, jovens e adultos”, completa Isabela. Segundo ela, a opção por atividades menos ‘festivas’ na constituição do projeto está pautada no planejamento anual do Espaço Xisto Bahia, que prevê a implantação de um Programa de Mediação Cultural de caráter contínuo e multitemático, com ações de sensibilização estética, formação artística, mediação de plateia e fidelização de frequentadores.

 

Serviços:

O que: Ciclo de debates Dança e Esporte – Interfaces possíveis

17.06 – 18h30 – Mesa de abertura do ciclo de debates Dança e Esporte – Interfaces possíveis.

18.06 –  9h às 13h – Mesa 1: O corpo como aprendizagem – o ensino de dança e esporte no ambiente escolar.

14h às 18h – Mesa 2: O corpo como máquina – quando artistas e atletas se confundem.

19.06 –  9h às 13h – Mesa 3: O corpo como expressão da cidadania – zonas de ocupação do espaço urbano.

 

Onde: Espaço Xisto Bahia, R. Gen. Labatut, 27 – Barris  Salvador – BA
(71) 3117-6155

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s