Última semana do Festival Xistinho: o que é que vai ter?

Mais de duas mil pessoas passaram pela terceira edição do Festival Xistinho – arte, brincadeira e traquinagem, e estamos chegando ao final. Mas ainda tem coisa boa pra acontecer neste fim de semana, quer ver?

No sábado as brincadeiras e atividades começam às 14h, com espetáculo às 16h.

Teatro Lambe Lambe | 25 de outubro

lambe

Para o Menino Bolha – estreia!
25 de outubro (Sábado), 16h | sala principal do Espaço Xisto Bahia | Preço: R$20 e R$10

Felipe_MENINO_BOLHA_4-web

O espetáculo apresenta Maria da Graça, uma criança que não sabe muito bem como fazer amigos de verdade. Convive com sua pequena família composta da mãe, Alice, do tio, Ulisses e de duas tias, Odisséia e Ilíada, que resolvem dar um grito de independência na terceira idade e ir viver a vida em um asilo que só vive em festa. Maria conversa muito com a Girafa, seu único confidente. Pedro é um menino que não toma sol, não sabe andar de bicicleta e tem medo de sair de casa. Vive com a mãe e adora comer sonhos. Tem uma vizinha, Dona Quel, que usa bob’s, fala grave e cuida dele quando sua mãe demora de chegar em casa. Só brinca com Marquinhos quando ele aparece, mas ele quase nunca vem. A peça conta a história de como Pedro e Maria da Graça se encontraram através de uma história; a incrível história da Gilafa.

“Para o menino-bolha” é a segunda peça escrita e dirigida por Paula Lice, destinada ao público infantil. O ponto de partida do espetáculo foi a crônica “Para Maria da Graça”, de Paulo Mendes Campos, na qual o narrador apresenta o livro “Alice no país nas maravilhas” à sua afilhada, por ocasião de seu aniversário de quinze anos. A peça mistura referências que passeiam por filmes, livros de história e outras peças teatrais.

_ficha técnica
Texto/Direção: Paula Lice
Direção de Produção: Paula Lice
Elenco: Lia Lordelo, Daniel Calibam, Yoshi Aguiar, Felipe Benevides e Igor Epifânio

———————————-

VOUS DOUX | 25 de outubro | Sala principal do Espaço Xisto Bahia
Sábado (20h)
Preço: R$30 e R$15
Frakttal Cia de Dança

103

É um espetáculo de dança contemporânea que busca investigar a manipulação corporal de um indivíduo por outro, pensando nas relações Sócio/político/culturais entre os seres humanos. Isso acontece seja pela manipulação direta, seja por influência, por aproximação, por imitação ou sedução. O espetáculo propõe essas relações dentro de uma atmosfera onírica e lúdica.

_ficha técnica
Coreógrafo/ Diretor: Allexandre Coutto
Elenco: Cia Fraktal

—-

Debate: Imaginação e ludicidade como caminhos de resistência à adultização | 29/10 (quarta), a partir das 14h
Debatendo sobre formas de incentivar o desenvolvimento social, cultural e motor das crianças sem suprimir os espaços inerentes a cada idade. Apresentação de Vira Lona, Lona Vira, do Grupo Via Palco. Das 14 às 17h
Gratuito

Sobre o espetáculo VIRA LONA, LONA VIRA

viralona_CADEIRINHA_foto_Antonio Figueiredo
Seres imaginários dos sonhos, brincalhões e divertidos, estão sempre procurando alguém para sonhar. Eis que se deparam com um tradicional dono de circo, em meio ao seu cotidiano de trabalho e treinamento. Nesse encontro, os duendes resolvem envolvê-lo e o fazem dormir e sonhar um sonho especial e envolvente: Um circo onde todos os números são feitos por palhaços! Nessa atmosfera onírica de imagens fugidias, o que importa é a sensação. As apresentações tradicionais do circo não são lineares e tudo vira um jogo que mistura realidade e sonho, que se funde e se confunde; a alegria emerge e a imaginação das crianças e adultos viaja nesse mundo sem limites.

_ficha técnica
Texto e Direção: João Lima
Com o Grupo Via Palco

Para o Menino Bolha estreia no Xisto!

* As atividades do Festival Xistinho começam a partir das 14h, com apresentação do espetáculo às 16h.

O espetáculo Para o Menino Bolha, com direção de Paula Lice, apresenta Maria da Graça, uma criança que não sabe muito bem como fazer amigos de verdade. Convive com sua pequena família composta da mãe, Alice, do tio, Ulisses e de duas tias, Odisséia e Ilíada, que resolvem dar um grito de independência na terceira idade e ir viver a vida em um asilo que só vive em festa. Maria conversa muito com a Girafa, seu único confidente. Pedro é um menino que não toma sol, não sabe andar de bicicleta e tem medo de sair de casa. Vive com a mãe e adora comer sonhos. Tem uma vizinha, Dona Quel, que usa bob’s, fala grave e cuida dele quando sua mãe demora de chegar em casa. Só brinca com Marquinhos quando ele aparece, mas ele quase nunca vem. A peça conta a história de como Pedro e Maria da Graça se encontraram através de uma história; a incrível história da Gilafa.

MB-cartaz-faces01

“Para o menino-bolha” é a segunda peça escrita e dirigida por Paula Lice, destinada ao público infantil. O ponto de partida do espetáculo foi a crônica “Para Maria da Graça”, de Paulo Mendes Campos, na qual o narrador apresenta o livro “Alice no país nas maravilhas” à sua afilhada, por ocasião de seu aniversário de quinze anos. A peça mistura referências que passeiam por filmes, livros de história e outras peças teatrais.

_ficha técnica
Texto/Direção: Paula Lice
Direção de Produção: Paula Lice
Elenco: Lia Lordelo, Daniel Calibam, Yoshi Aguiar, Felipe Benevides e Igor Epifânio

PARA O MENINO BOLHA | segunda infância | 22 a 25 de outubro | sala principal do Espaço Xisto Bahia
Sábado, 16h
Atividades a partir 14h
Preço: R$20 e R$10

Aviso

Por questões operacionais iremos adiar o Debate Imaginação e ludicidade como caminhos de resistência à adultização e a apresentação do espetáculo Vira Lona, Lona Vira para data ainda não definida.

A apresentação gratuita da OPE – Neojibá (Orquestra Pedagógica Experimental) permanece às 19h. Confira o programa da apresentação:

programa_OPE_xistinho_2014_v2-2

Para baixar o programa da apresentação da Orquestra, clique aqui.

DOMINGO PARA 1ª INFÂNCIA NO FESTIVAL XISTINHO

Amanhã é dia de 1ª infância no FESTIVAL XISTINHO – ARTE, BRINCADEIRA E TRAQUINAGEM.

A diversão é voltada especialmente para crianças de 01 a 06 anos, com atividades lúdicas, música, espetáculo teatral e muita alegria para todas as idades!

Bonde da sonora

1083500_952471668115863_849417106_oFoto divulgação 02 - Cabriola

> A partir de 14h temos a exposição interativa Por dentro da história, com um mundo de gnomos espalhados pelo Xisto e a criançada liberada para riscar as paredes!
> 15h é hora do Bonde da Sonora, com Ana Ana Luisa Barral, Soraia Drummond e boa companhia para fazer jogos sonoros com os pequenos.
> E 16h começa a última sessão do O QUE CONTA É O FAZ DE CONTA, da Cia.Heraldo Souza Cabriola. Perfeito para crianças de todas as idades.

Uma tarde incrível para toda a família, com ingressos a $20 e $10 por todas as atividades. Não vai deixar suas crianças em casa na frente da TV neste domingão não, né?!

Quer saber mais?

O Bonde da Sonora devaneia. Inspira-se na essência das manifestações culturais brasileiras e resignifica seus elementos através da impressão pessoal dos artistas envolvidos no processo criativo performático. A experiência do grupo se soma a ações coletivas nas ruas. A interatividade artística é aplicada no cotidiano urbano, buscando oferecer ao publico o fruir da criatividade artística presente em todas as pessoas.

O que conta é o faz-de-conta traz toda a magia da infância para a cena. Quando finda a noite, todos despertam com a sonora garganta da ave da alvorada, a trombeta da manhã que anuncia mais um dia. O belo está no alvorecer. O Galo Trombeta prepara figurinos, cenário e instrumentos musicais para mais uma apresentação com música, com gente e com bonecos para contar as velhas histórias guardadas na memória e que nem o tempo apaga a tradição.Com a Cia. Cabriola de Teatro

A exposição De dentro da história propõe uma experiência diferente entre o espectador e a obra: os quadros contam uma história com começo, meio e fim. Uma história em quadrinhos na qual enquanto o espectador anda e observa os quadros ele lê e se envolve com a história. Quem quiser também pode interagir com a exposição, completando com desenhos as partes onde a história propõe, deixadas em branco para serem preenchidas pelos pequenos (e por gente grande também, por que não). O trabalho é de Aline Cruz e conta com mais de 50 aquarelas pintadas a mão.

Maiores informações através do (71)3117-6155/6156