Fim de mês com exposição nova no Xisto: Bordar os Sonhos

Bordar os Sonhos é um projeto de bordado contemporâneo que desde julho de 2013 acontece no bairro de Sussuarana em Salvador. Inicialmente financiado pelo Calendário das Artes, essa iniciativa reúne 20 mulheres que se encontram para compartilhar histórias e criar imagens de suas memórias, de seus cotidianos e, principalmente, de seus sonhos. Essas imagens são construídas pela técnica do bordado livre.

Ainda em novembro de 2013, o grupo cria a campanha “SONHE”, que consistiu na venda de pequenos bordados com renda revestida para o financiamento da publicação de um pequeno livro/catálogo sobre o projeto, suas participantes e seus bordados.

Hoje, com o livro/catálogo pronto, a exposição que contará com os bordados originais construídos com muita dedicação e expectativa ao longo desse tempo.

O projeto idealizado pela arte-educadora e ilustradora Flávia Bomfim, sonha em seguir com passos próprios, para tanto, iniciam a caminhada com a campanha “Borde também a sua ideia”, que consiste em reproduzir, com a técnica do bordado livre, imagens ou palavras solicitadas por encomenda.

O livro/catálogo, publicado em parceria com a editora Movimento Contínuo será vendido na ocasião da abertura da exposição ou através no e-mail: movicontinuo@gmail.com.

O que: Abertura da exposição e Lançamento do livro ” Bordar os Sonhos”
Abertura: 29 de abril as 18hs
Local: Espaço Xisto, Biblioteca Pública do Estado da Bahia, Barris
Período da exposição: 29 de abril à 22 de maio
Valor do livro: R$ 20,00

convite-bordar-os-sonhos-2-p

Amanhã tem “Poesia de um corpo” no Xisto

“Poesia de um Corpo” propõe em cena uma inquietação e olhar romântico de nosso viver, mudanças e situações adversas nos fazem companhia constante, esperando nossos convites e descuidos para se legitimarem e revelarem diante de nossos olhos.

R$ 10 e R$ 5, às 20h!

poesiadeumcorpo

E pra quem é da Dança, fique esperto! As inscrições para o Quarta que Dança 2014 acabam amanhã! Acesse: http://www.fundacaocultural.ba.gov.br/

Dança no Xisto – Confira a programação do Xisto na Semana!

O Espaço Xisto Bahia está recheado de coisa boa essa semana! Além do final de temporada do espetáculo infantil Meia Dúzia de Pepinos (dias 26 e 27, 16h, R$20 e R$10), o Xisto conta com o Quarta que Dança, o Viva Dança e o Encontros de Domingo! Tá bom ou quer mais? ;D

Confira a programação:

Viva Dança Festival Internacional (R$ 10 e R$ 5):

21/04 (Segunda) – No Caminho das Alimentadeiras (20h)
Coletivo Trippé

programacao_01_04_2014_22_45_34

Na coreografia os artistas perambulam por um caminho de fé e devoção, percorrido pelas Alimentadeiras de Almas do Vale do São Francisco, buscando em cantos trêmulos e nas batidas do coração penitente as sensações e lições que permeiam essa manifestação religiosa, ao som da matraca que rege o terço de cânticos seguindo na eterna doação.

Concepção, Direção e Coreografias/Conception, Direction 
and Choreography: Regiane Nascimento e Adriano Alves 
Bailarinos/Dancers: Wendell Britto, Regiane Nascimento, Rafael Sisant, Julia 
Gondim, Cleybson Lima e Adriano Alves – Bailarina Convidada/Invited Dancer: 
Rafaedna Nubismara 
Orientação Artística/Artistic Orientation: Jailson Lima 
Trilha Sonora Original/Music: Sônia Guimarães 
Concepção de Figurinos/Costumes: Maria Agrelli
Criação e Execução de Iluminação/Lighting Design: Carlos Tiago
Concepção de Cenografia e Programação Visual/Scenography 
and Visual Program: Adriano Alves 
Concepção de Maquiagem/Make-up: Regiane Nascimento 
Colaboração Visual e Desenhos/Visual Collaboration 
and Drawings: André Vitor Brandão 
Confecção de Figurinos/Making Costumes: Xuxu 
Assistente de Figurino/Costumes Assistant: Wendell Britto
Cenotécnica/Cenography Technician: Wagner Damasceno
Produção Executiva e Execução de Sonoplastia/ 
Exective Production and Sound Design: Nilzete Miranda

23/04 (quarta) – Poesia de um corpo (20h)
Áttomos Cia de Dança

poesiadeumcorpo

“Poesia de um Corpo” propõe em cena uma inquietação e olhar romântico de nosso viver, mudanças e situações adversas nos fazem companhia constante, esperando nossos convites e descuidos para se legitimarem e revelarem diante de nossos olhos.

http://www.attomosciadedanca.blogspot.com

Direção Geral e Coreografia/Direction and Choreography: Anderson Rodrigo
Concepção e Iluminação/Creation and Lighting Design: Anderson Rodrigo e Pablo de Paula
Bailarinos Co-criadores/Performers and Co-creators: Denilson Coutos, Janahina Cavalcante, Paco Gomes, Pakito Lázaro, Soter Xavier
Concepção de Ambientação e Figurino/Area Ambiance and Costume Design: Jorge Alberto
Seleção Musical/Music: José Maia e Anderson Rodrigo
Sonoplastia/Sound Design: José Maia

25/04 (sexta) – Odete traga meus mortos
Mostra Baiana de Dança Contemporânea | Lucas Valentim e Edu O.

odete_ftgabrielguerra

Vencedor do Prêmio Vivadança 2010, o espetáculo é inspirado numa situação vivida por Edu O., numa viagem a França. Reflete sobre os ritos de passagem, a partir da ausência e da presença, representando a ausência de pessoas, lugares, situações, objetos.

http://www.monologosnamadrugada.blogspot.com

Criadores–Intérpretes/Creators-Performers: Edu O. e Lucas Valentim
Trilha Sonora/Music Direction: Somdoroque
Criação e Operação de Luz/Creation and Lighting Operation: Márcio Nonato
Operação de Som/Boom Operation: Catarina Gramacho
Figurino/Costume: Nei Lima

Quarta que dança (Entrada Gratuita):

 

26/04 (sábado, 20h) e 27 (domingo, 19h) - Anfíbios

 

Trabalho de dança contemporânea onde se dá a ver dois corpos – homem e peixe – colocados em relação, numa experiência de temporalidade e de alteridade que sugere a percepção do ser vivo como ser vasto, produto e produtor do meio. Habitando terra e água, “Anfíbios” propõe uma composição de paisagens e estados corporais que se atualizam em cena, friccionando limites e possibilidades do corpo biológico/cultural e de suas relações com a natureza e o artifício.

A criação do espetáculo foi iniciada em 2009 numa residência artística em dança que durou quatro meses, na Casa Hoffmann – Centro de Estudos do Movimento, em Curitiba (PR). Desde então, o processo foi sendo desdobrado e se configurou como um trabalho no final de 2011.

A narrativa dramatúrgica, embora esteja estruturada coreograficamente, não tem um subtexto definido, sendo dada como possibilidade de construção a ser completada pelas subjetivações do outro. A investigação da movimentação e dos “estados de corpo” tem como foco a percepção da massa líquida do corpo e o fluxo de respiração e pulsão, que gera estados de baixo tônus e energia expandida. A principal base técnica deste trabalho é uma prática de respiração sokushim, realizada com o sensei de aikido Wilson Sagae, cujos exercícios envolvem a circulação e o aumento de energia (ki), o desenvolvimento da propriocepção e a sensibilidade para outros corpos.

Ficha técnica
Criação e Performance: Ricardo Alvarenga
Técnica de Som e Luz: Alex Oliveira e Paula Carneiro
Fotografia de Divulgação: Perruzo

 

Encontros de Domingo (A partir das 9h, dia 27/04, R$20 e R$10):

ilustra

O já tradicional encontro do último domingo do mês no Xisto traz esse mês música e muito mais para o público infantil. Além do Ateliê de Desenho, Contação de Histórias e da última apresentação da temporada do espetáculo “Meia Dúzia de Pepinos” no Xisto, as crianças também vão conferir a apresentação da Orquestra Pedagógica Experimental (OPE) do NEOJIBA.

Meia Dúzia de Pepinos (16h, sábado e domingo, 26 e 27/04, R$20 e R$10):

meiaduzia

 

A peça conta seis histórias de crianças que vivem problemas diários na escola ou na família. O primeiro pepino é o de Glória, a menina que está acima do peso e vai refletir com seu pai sobre o tamanho das baleias; o segundo é o de Taís que embora criança, já se preocupa pelo fato de ser baixinha; Lucas acabou de ganhar um irmão mais novo e sofre com o fato de ter que repartir seu mundo; Marília está cansada de seus cabelos encaracolados e quer entrar pro clube da ‘chapinha’; Heloíza é aluna nova de uma escola, e vai encarar o clube das garotas mais populares da escola; venha descobrir o sexto pepino e enfrentar o vilão de todas as histórias a quem chamamos de “O Zotro”.

 

Elenco: Aline Nepomuceno, Gabriela Lima, Ive-Ane Stanchi, Jeferson Albuquerque, Lorena Geambastiani e Taiana Lemos.
Direção: Jeferson Albuquerque. Texto: Jones Mota. Produção: Elen Catarina

Informações Técnicas: Censura – Livre (espetáculo infanto-juvenil) e Tempo da Apresentação – 60 min

Chegou mais um Encontros de Domingo!

Dia 27 tem Encontro na Casa!

Mais uma Edição de Encontros de Domingo, e dessa vez o xisto preparou muita música com a Orquestra Pedagógica Experimental do NEOJIBA!

encontros_cartaz_abril

Não perde não, hein?